terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

PARQUE TINGUI - EXPOSIÇÃO DE BOLSO X








O parque Tingui na minha opinião é uma tradução do jardim do Éden.  Com uma verde mata nativa e seus lagos. O paraíso fica ainda mais bucólico com o Rio Barigui embelezando e atravessando com a musicalidade de suas águas. Unindo-o aos parques Tanguá e Barigui. Com uma área 380 mil m² Teve a sua inauguração no ano de 1994. O parque Tingui fica localizado na região norte de Curitiba, no Bairro São João, entre as Ruas Fredolin Wolf e José Valle. A suas características ecológicas, exibem, araucária, bromélia, canela, cambuí-manchado, branquilho, pessegueiro-bravo, guaçatunga, carvalho, veludo, imbuia, maria-mole, baga-de-pombo, tarumã, cambuí-do-brejo, embira-branca, aroeira, erva-mate, congonha, corticeira-do-brejo, miguel-pintado, mamica-de-porca, caúna, bugreiro, cafezeiro-bravo, bracatinga, sassafrás, camboatá e pinheiro-bravo. Na sua fauna agrega, bem-te-vi, quero-quero, tatu, parelheira, marreca ananaí, pato silvestre, sabiá-laranjeira, cágado-cabeça-de-cobra, boipeva, morcego, cobra-d’água, gambá, cisqueiro, jaçanã, socó-dorminhoco, pavó, frango-d’água, teiú, jararaca e joão-de-barro. Além da natureza bela conta com uma infraestrutura extensa incluindo a casa da guarda municipal, administração, estacionamento, iluminação, ciclovia, pista de cooper, canchas de futebol e vôlei, churrasqueiras, pontes de madeira, portais e sanitários. O nome do parque foi uma homenagem a tribo indígena “Tingui”, pioneiros em povoar a capital paranaense. Imagens captadas pelo meu poético Smartphone




































































































































































































Fotos: Luciano Lucci Ramos 


É PROIBIDA A REPRODUÇÃO, TOTAL OU PARCIAL, DO CONTEÚDO DE TEXTO E FOTOGRAFIA, SEM PRÉVIA AUTORIZAÇÃO DO AUTOR DA OBRA. PROTEGIDO PELA LEI 9.610/98.