sexta-feira, 16 de junho de 2017

RIBEIRA DA PENÍNSULA ITAPAGIPANA - EXPOSIÇÃO DE BOLSO XVII





Salvador tem 2 cidades, a Cidade Alta e a Cidade Baixa, todo baiano sabe disso! Eu fui para Cidade Baixa acompanhado do meu Smartphone registrando o bairro da Ribeira. O nome Ribeira, vem de uma expressão portuguesa “ancoradouro para reparação de naus”, como um oásis da Península Itapagipana a Ribeira abriga embarques de canoas de pesca e saveiro. Envolvida pela Baía de Todos os Santos a Ribeira tornou-se uma marinha pelo acesso de embarcações proporcionando em maré baixa os concertos de barcos. Com um cenário de naus conhecida internacionalmente por sua beleza náutica e por ter existido o primeiro Hidroporto do Brasil. Incluindo charmosos casarões que traduzem uma nostalgia poética, além da tranquilidade do local e suas tradições típicas com cadeiras na calçada para assistir ao lindo pôr do sol. O bairro é quase um quebra-cabeças para descobrir por onde começa ou termina, afinal faz parte: o Bonfim, Massaranduba e Caminho de Areia. Os passeios pela Ribeira são tentadores por sua pitoresca e singela formosura. Vamos aos paladares, o bairro é possuidor desde o ano de 1931 da sorveteria mais famosa da Bahia. A sorveteria da Ribeira, refresca com sabores tradicionais e regionais, inusitados gostos em seus gelados, é uma deliciosa pratica dos baianos, turistas e moradores. Muitos famosos já saborearam seus sorvetes e picolés.

























Foto: Luciano Lucci Ramos 

É PROIBIDA A REPRODUÇÃO, TOTAL OU PARCIAL, DO CONTEÚDO DE TEXTO E FOTOGRAFIA, SEM PRÉVIA AUTORIZAÇÃO DO AUTOR DA OBRA. PROTEGIDO PELA LEI 9.610/98.